Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
Nelson Conceição | Descobrindo-me

Nelson Conceição | Descobrindo-me

Música & Festivais | Instrumental

Cine-teatro Louletano

CineTeatro
Classificação Etária
Maiores de 6 anos
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2019
mar
17

Sessão

17 mar 2019 17:00
Dias
Hrs
Min
Seg

Duração

75 minutos

Abertura Portas

16:30

Intervalo

Sem Intervalo.

Promotor

Câmara Municipal de Loulé

Sinopse

Descobrindo-me é um disco desejado há muito por Nelson Conceição. Todavia, a sua dedicação a outras causas musicais como o ensino, com mais de 100 prémios obtidos através dos seus alunos; a recolha e recuperação do património imaterial relacionado com os seus antepassados, sendo o coordenador do projeto Terra de Acordeão e gravando inclusivamente a maioria dos grandes nomes nacionais do acordeão no seu estúdio; a colaboração profunda em tradições como as Charolas; como elemento integrante de projetos de diferentes áreas e contextos musicais quer na área mais popular como as Moças Nagragadas quer numa vertente mais vanguardista como o Mito Algarvio Ensemble Cyneticum sob a direção de João Frade fez com que este trabalho só agora se torne uma realidade.

Por outro lado, todas essas experiências foram enriquecedoras para que este álbum tenha diferentes influências, sendo maioritariamente constituído por temas originais elaborados ao longo dos últimos anos e até premiados internacionalmente como A moça que gostava da Amália ou O Amigo de Alcobaça.

Oriundo de Bordeira, uma localidade pródiga em grandes acordeonistas, este disco traduz as inspirações e vivências musicais de Nelson Conceição desde a sua infância até ao presente com uma diversidade de géneros musicais que permite uma simbiose entre antepassados e contemporâneos, explorando relações entre fado e tango, corridinho e música erudita, ou ainda tradições/charolas e jazz manouche/gipsy.

Aliado a algum virtuosismo e improviso, este trabalho pretende trazer sobretudo uma reflexão emocional e profunda sobre factos e momentos que atearam a criação musical de temas com muito significado como O último Adeus, dedicado à sua avó materna, ou Histórias de um criador, em homenagem a João Barra Bexiga, entre outros.

Direção artística: Nelson Conceição / Intérpretes: Nelson Conceição (acordeão), Cláudio Sousa (guitarra), Jan Pipal (violino) e outros convidados

Preços

Preço único: 5 €

Partilhar
Cartão de Amigo